segunda-feira, 3 de abril de 2017


Eu achava que era boato. Parece que não.

Um pastor da Universal teria sido preso em Moçambique por tráfico de albinos [ VER NOTICIA ABAIXO ].

Pra quem não sabe a razão, é o seguinte: há muito se fala que, em várias regiões da África, estas pessoas são usadas - leia-se "mortas" - em rituais de feitiçaria.

Em 2010 eu postei uma notícia sobre cidadão preso na Tanzânia por tentar vender um albino, a quem havia enganado com promessas de emprego. A idéia era sequestrá-lo e vendê-lo. Em 2013 uma Alta Comissária da ONU denunciou e condenou a prática, rotineira naquele país.

Essa entrevista, de 2016, com uma freira brasileira dá uma idéia da tragédia: http://br.radiovaticana.va/…/freira_brasileira_denu…/1268374

Horror indescritível.

Pastor da Igreja Universal detido por tráfico de pessoas na Maxixe

Um pastor da Igreja Universal do Reino de Deus, com sede no distrito da Maxixe, província de Inhambane, foi detido acusado de tentativa de tráfico de seres humanos no distrito de Massinga.

O pastor cuja a identidade não foi apurada, está detido juntamente com uma obreira e dois crentes da mesma igreja, mandatados para executar o crime.

Segundo a Rádio Moçambique (RM), as vítimas eram pessoas portadoras de albinismo, um anão, uma mulher de olhos azuis e outra de cabelos compridos.

A Polícia de República de Moçambique disse que a detenção dos arguidos foi possível graças à denúncia popular.


..


.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe