Monitor5_728x90

terça-feira, 7 de junho de 2016

ESTADÃO ESCONDE: Em delação gravada, Cerveró diz que "Braskem é escândalo criado por FHC" e se diz impressionado por "essas coisas não serem investigadas"


Cerveró diz que "Braskem é escândalo de FHC" e se diz impressionado por essas coisas não serem investigadas. Estadão esconde essa parte.
Cerveró, a partir dos 10:20min do vídeo diz claramente que "a Brasken é um dos maiores escândalos, criados na época do Fernando Henrique...não foi o Lula quem inventou...essas coisas não são investigadas...isso que eu fico impressionado...". Segundos antes antes ele comenta que a Odebrecht "sempre teve influência, desde o Rennó".
O que escolhe fazer o Estadão? Simples. Omitir deliberadamente o desabafo do delator. Aliás, "desabafo", como diz o Estadão, é um eufemismo: trata-se de uma denúncia seriíssma. Melhor ainda, são duas denúncias: a de que a Brasken é um escândalo de FHC e, em segundo, de que essas coisas não são investigadas. Tudo o que a gente já sabe. Quando digo "a gente", pode botar aí o leitor do Estadão na roda. Estes não são enganados pelos jornais, muito pelo contrário. Apenas fazem aguardar pelo "tratamento estético" que exclui tucanos, recebem as noticias já "saneadas", e se botam a disseminar por aí.
Quanto aos "ingênuos", a maioria esmagadora deles, sabemos, baseará sua noção de realidade pela manchete e, talvez, pelo texto, onde a revelação de Cerveró não é mencionada, ou melhor, não da maneira como foi. E duvido que eles assistam ao vídeo.
Quando escondem ou omitem os nomes de tucanos, os jornais parecem aqueles documentos liberados peolo governo americano, de tempos em tempos, em que partes principais ou fundamentais foram presenteadas com longas tarjas negras, tonando-as impossíveis de decifrar.
A omissão proposital de uns e a superexposição de outros não são meros erros ou acidentes. Trata-se de um resoluto e decidido método de manipulação. Infelizmente, é como contar os grãos de areia da praia. Seria impossível elencar, sequer colecionar uma infima parte dos exemplos nessas últimas duas décadas, já que são incontáveis, e que mostrariam de forma cabal como a coisa funciona. Esse aqui é mais um deles.


...

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe