Monitor5_728x90

sexta-feira, 25 de março de 2016

Panaquice de nível mundial: Embaixada da Itália contesta nova burrice publicada pela Veja, a bíblia dos delirantes e dementes


Embaixada italiana desmente idiotice publicada pela Veja

Lula iria fugir pra Italia cruzando o Atlântico de pedalinho, levando o faqueiro de ouro e os dólares de Cuba, e passaria o resto da vida se deliciando com pratos e mais pratos de massas com molho de boimate
Embaixada italiana desmente Veja sobre "plano secreto" de Lula

Jornal GGN - A embaixada italiana no Brasil desmentiu a matéria capa da revista Veja intitulada "O plano secreto de Lula para evitar a prisão: pedir asilo à Itália e deixar o Brasil". A reportagem afirma que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seus aliados teriam conversado com o embaixador Raffaele Trombetta sobre um "plano secreto" para tirar Lula do país, concedendo asilo político.


"As informações referentes à Embaixada e às supostas conversas do Embaixador Raffaele Trombetta são inverídicas", informou a sede diplomática italiana no Brasil, em comunicado oficial.

Em um dos pontos a nota explicita a falta de apuração mínima da revista ao apontar em uma fotografia a pessoa que supostamente seria Trombetta. "Relativamente ao evento no Palácio do Planalto, a pessoa destacada na fotografia e sentada em uma das primeiras fileiras não é o Embaixador Trombetta, como pode-se constatar facilmente", disse a Embaixada.

"O Embaixador Trombetta estava sentado, junto a todos os demais embaixadores, no espaço reservado ao corpo diplomático", completou, corrigindo com a informação correta.

Segundo a revista Veja, o embaixador promoveu um jantar em Brasília, no dia 16 de março, para cerca de 40 convidados, entre eles aliados do ex-presidente, e que foi neste encontro que Raffaele Trombetta e amigos do petista teriam comentado sobre as consequências do ex-presidente solicitar asilo à embaixada.

"O plano prevê que Lula pediria asilo a uma embaixada, de preferência a da Itália, depois de negociar uma espécie de salvo-conduto no Congresso, que lhe daria permissão para deslocar-se da embaixada até o aeroporto sem ser detido --e, do aeroporto, voaria para o país do asilo", publicou a revista sobre a suposta trama secreta.

A embaixada negou e esclareceu, ainda, que disse ao jornalista da revista que "não se queria comentar fatos que, no que tange à Embaixada, eram e são totalmente inexistentes".

Leia a nota na íntegra:

COMUNICADO DA EMBAIXADA SOBRE A MATÉRIA "O PLANO SECRETO" PUBLICADA NA REVISTA VEJA

Em relação à matéria "O plano secreto" publicada na última edição da revista Veja, a Embaixada da Itália declara:

1. As informações referentes à Embaixada e às supostas conversas do Embaixador Raffaele Trombetta são inverídicas.

2.Relativamente ao evento no Palácio do Planalto, a pessoa destacada na fotografia e sentada em uma das primeiras fileiras não é o Embaixador Trombetta, como pode-se constatar facilmente. O EmbaixadorTrombetta estava sentado, junto a todos os demais embaixadores, no espaço reservado ao corpo diplomático.

3. Na conversa telefônica citada, foi dito ao jornalista que não se queria comentar fatos que, no que tange à Embaixada, eram e são totalmente inexistentes.

Brasília, 25 de março 2016


...

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe