Monitor5_728x90

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Apocalipse Carrocrata sofre revés: Mortes no trânsito caem 21% em São Paulo, afirma CET



Na comparação entre janeiro a novembro de 2014 com o mesmo período do ano passado, 246 vidas foram salvas no trânsito da cidade

De acordo com um estudo feito pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), divulgado nesta quinta-feira, dia 11, o número de mortes no trânsito teve uma queda de 21,4% na cidade de São Paulo. Na comparação entre janeiro a novembro de 2014 com o mesmo período do ano passado, o levantamento mostra que 246 vidas foram salvas na capital paulista.

Enquanto nos 11 primeiros meses de 2014 foram registrados 1.150 óbitos, no mesmo período de 2015 ocorreram 904 casos. Considerando apenas o mês de novembro dos dois anos, as mortes diminuíram 23,5%, com 75 casos no ano passado, contra 98 em 2014.

Segundo a Prefeitura de São Paulo, as ações implantadas por meio do Programa de Proteção à Vida (PPV), que busca reduzir acidentes e atropelamentos, colaboram para que a cidade se aproxime da meta da capital para a Década de Segurança Viária da ONU, de 6 mortes a cada 100 mil habitantes até 2020.

Em novembro do ano passado, esse índice foi de 8,36 por 100 mil habilitantes na cidade. Em dezembro de 2014, era de 10,47. No caso do Brasil, o índice é de 23,40; no Estado de São Paulo, é de 17,40 e, na Região Metropolitana (RMSP), de 19,40 mortes por 100 mil habitantes.

Ciclistas

Em relação aos ciclistas, o estudo apontou uma queda de 27,4% no número de mortes, na comparação de janeiro a novembro de 2014 com o mesmo período do ano passado. Nos 11 primeiros meses de 2015 foram registradas 31 mortes e, em 2014, foram 43 casos fatais.

Motociclistas

As mortes de motociclistas em acidentes registraram queda de 19% na comparação entre os 11 primeiros meses de 2014 com o mesmo período do ano passado. A redução foi de 410 casos para 332. No mesmo período de 2013, foram 367 casos, o que significa que a curva vinha de um crescimento de 11,7%.

Pedestres e motoristas

O estudo ainda constatou uma redução de 23,9% no número de mortes de pedestres, que passou de 506 óbitos de janeiro a novembro de 2014 para 385 casos no mesmo período do ano passado. As ocorrências fatais envolvendo motoristas e passageiros também tiveram queda, de 18,3%. Foram 156 mortes em 2015, contra 191 casos em 2014.


...

.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe