Monitor5_728x90

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

"A Indústria da Multa não existe", em: A cegueira seletiva de "alguns" paulistanos



Recentemente foi publicada na seção de cartas de um jornal de bairro da Zona Leste paulistana a mensagem da qual selecionei uns trechos. Os nomes e endereços serão alterados, pois o que importa mesmo é a idéia contida:

"Cadê a sinalização?
No final de dezembro de 2015 a rua XOXOXOXOXOXOXO , Vila XOXO, ganhou novas sinalizações ( quatro lombadas, placas de sinalização entre outros ). Os obstáculos já foram pintados e sinalizads com placas. Em outro trecho ( altura do número 479 ), foi colocada uma placa que indica carga e descarga na linha amarela, mas a linha ainda não foi pintada. Além disso, a CET não realizou a nova pintura das faixas de pedestres”

Não é a primeira vez que leitores ou o próprio jornal abordam esse assunto. Antes pelejavam pela sinalização, agora se reclama que está incompleta. Tudo bem. Aqui pra este blog, o que importa é algo do qual nem leitores nem jornais costumam reclamar, pedir fiscalização, nem nada. 

Quando esses indignados seletivos, e desmemoriados idem, me irritam eu costumo escrever umas coisa lá, como esta resposta à missiva reproduzida acima:

"Eu acho realmente curiosa a indignação seletiva. É do conhecimento de todo morador das redondezas que nas proximidades deste citado cruzamento se observa o hábito de moradores e frequentadores dos estabelecimento s comerciais proximos - quando não dos proprios comerciantes - de estacionarem os carros sobre a calçada. 
Os casos mais recorrentes e visíveis se dão no trecho da citada rua XOXOXOXOXOXOXO, entre a QWERTYUIOP e a ASDFGHJKLÇ, inclusive num local onde existe a placa de proibido estacionar. E quem se dana é sempre o pedestre, obrigado a andar pelo meio da rua e correndo o risco de ser atropelado pelos ônibus que ali passam, enquanto os marginais - quem estaciona em local proibido E sobre calçada não merece outra designação - nadam de braçada. 
Mas disso, nunca ninguém reclama, nem manda carta nem vira reportagem."

Não se espantem: praticamente o único que reclama naquele portal de carros em calçada pelas ruas do bairro sou eu embora a prática de deixar carro na calçada seja feita às claras e com pleno conhecimento de todos.

"Indústria da Multa" é? Sei, sei...

.

.


Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe