Monitor5_728x90

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Brutamontes do MMA diz que obra atrasada do governo de Goiás é culpa da Dilma


Atleta critica Dilma por obra parada de responsabilidade do governo de Goiás


Em vídeo postado ontem no Facebook, o lutador de MMA Wanderlei Silva critica a presidente Dilma Rousseff por uma obra parada em Anápolis que é de responsabilidade do governo de Goiás. Embora a placa em frente à construção do Centro de Convenções de Anápolis esteja identificada como do governo estadual, ele aponta o valor da obra e ataca o governo federal.

O atleta diz que Dilma esteve no local para inaugurar a obra, que não ficou pronta. "A nossa excelentíssima presidente esteve aqui e teve a cara de pau de inaugurar uma obra totalmente inacabada. Não está nem na metade ainda. É uma prova do desrespeito ao dinheiro público." Ele diz ainda que é mais um exemplo dos "elefantes brancos espalhados pelo Brasil". "Isso é uma vergonha. Isso me revolta", completa.

Dilma nunca foi a Anápolis inaugurar o Centro de Convenções. Pode ser que o lutador tenha confundido com o trecho goiano da Ferrovia Norte-Sul, na mesma cidade, de fato entregue no ano passado, bem antes de entrar em funcionamento.

Apesar de comentários esclarecendo o fato no post do atleta, o vídeo foi mantido no ar e tem mais de 525 mil visualizações e 14 mil compartilhamentos até o momento. Há quem aplauda e sugira que o lutador entre para a política.

A placa da obra informa custo de 112 milhões, vindos do Fundo Estadual de Desenvolvimento de Atividades Industriais (Funproduzir). Na campanha eleitoral do ano passado, a obra foi anunciada pela equipe do governador Marconi Perillo (PSDB) como "praticamente pronta", mas de fato está parada e não há previsão de entrega.

Em março deste ano, a Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) admitiu que a obra estava paralisada por falta de recursos. O governo havia quitado metade do preço total – cerca de R$ 60 milhões –, mas suspendeu o pagamento por problemas orçamentários.

Não há informações sobre o que Wanderlei veio fazer em Anápolis. Ele tem um contrato de publicidade para uma empresa de suplementos que tem sede no Distrito Agroindustrial (Daia) da cidade.

O blog tentou contato com a assessoria através do e-mail disponível no site do lutador, mas ainda não obteve resposta.


.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe