quarta-feira, 15 de julho de 2015

Jovem Klan em: "O barato da batata"


Em termos de uso do rádio, Hitler foi aprendiz
Hoje, na famigerada rádio Jovem Klan ( que parece pegar carona no modus operandi de rádios como Tupi e Capital, como mostram essas informações de 2008 ) a jornalista do programa das 14hs dizia que a batata estava cara e povo não ai comprar por causa da crise ( sic ). Tinha lá um reporter na Ceagesp e coisa e tal. O objetivo parece ser fazer o inverso do que fazem com o governo do PSDB. Este "merece" laureas, por razões que já estão sendo timidamente noticiadas ( ver este post ) enquanto o governo federal leva porrada e bordoada O TEMPO TODO. Isenção e imparcialidade no seu dial. Todo e qualquer episódio, por mais insignificante que seja, poderá ser usado pelo obcecado jornalismo da Klan. Seria injustiça dizer, como andam fazendo, que a Jovem Klan fala mal do governo federal e bem do governo Alckmin por este despejar dinheiro na emissora. O governo federal também despeja alguma bufunfa na rádio. Além do dinheiro, a emissora está alinhada à grande e esmagadora maioria dos meios e veículos de comunicação brasileiros, que é simpatizante do PSDB/DEM. É por razões empresariais, mas também por princípios ideológicos/partidários/políticos.
Embora eu tenha escutado apenas de relance - pois estava mais envolvido no trabalho que no rádio - o tom era esse. Ela queria forçar o reporter na Ceagesp a corroborar a tese. Ele, claro, fez o que lhe foi determinado, apontando que os preços deviam baixar logo, o que serviu de trampolim pra mulher tascar novamente que era por causa da crise. Talvez fosse por causa das leis de mercado, mas quem sabe, não é verdade?
Como se trata da Jovem Klan, tive eu mesmo que fazer o serviço depois e sair buscando saber por conta própria até onde a "crise" afetava o preço do tubérculo.
Assim, fui cair nessa noticia do Canal Rural de 17 de Junho de 2015: "Clima prejudica safra de batata em São Paulo".
Clima, não crise.
Não ouço esta rádio - hoje foi uma exceção que, espero, só se repita daqui uns 10 anos - mas tenho a certeza de que essa emissora deve ter sido uma das primeiras a encampar e disseminar a versão do governo do PSDB de SP de que a seca nas represas se deu por causa do clima.
Mas aí pode ser o clima, né? Clima, não crise.
Bem, sobre o caso das batatas, pelo menos agora vocês têm uma versão alternativa ao catastrofismo remunerado da rádio do grandessíssimo filho do Tuta.
Depois dessa, só falta a Ana Maria Braga usando um colar de batatas. 

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe