Monitor5_728x90

segunda-feira, 27 de julho de 2015

"A Indústria da Multa não Existe" em: Causa Impossível


O cidadão de bem chama a CET pela manhã, por causa de veículos em calçada. Cinco horas e pouco depois passa pelo local e constata que os mesmos ali permaneciam. Telefona à CET, dá o número do protocolo, e é informado que o fiscal tinha ido lá ( o que já é um milagre, daqueles de fazer ateu crer em Santo Expedito ) "removido" três automóveis. 

Apesar de soar forte e legal pacas, remoção é simplesmente quando o amarelinho leva um lero com os meliantes, tentando chamá-los à razão, argumentando que aquilo prejudicava o direito de ir e vir do - não riam - pedestre e que, além de tudo, não bastasse ser um comportamento feio e bobo, também é ilegal, passível de multa e perda de pontos na CNH. Diante da boa conversa com o agente da Lei, os meliantes demonstram arrependimento e tiram os veículos do local, desculpam-se, fazem juras de que aquilo não se repetirá. 

Tão logo o amarelinho vira as costas eles retornam os carros ao local, já que é difícil um raio cair duas vezes no mesmo ponto.
 
"Indústria da Multa" né?
 
.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe