domingo, 28 de setembro de 2014

Acaba de sair a última tentativa da revista Veja para impedir a reeleição da presidente Dilma Rousseff



VEJA TENTA BALA DE PRATA E CONECTA DILMA AO DELATOR

Acaba de sair a última tentativa da revista Veja para impedir a reeleição da presidente Dilma Rousseff; capa desta semana, que circula a partir deste sábado, anuncia o que seria o "núcleo atômico da delação"; de acordo com reportagem, ainda não disponível, a campanha que elegeu Dilma presidente em 2010 teria recorrido aos préstimos de Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras; ontem, Veja foi condenada por 7 a 0 no Tribunal Superior Eleitoral por ter acusado, sem provas, o PT; e agora: será mais uma vez condenada ou terá disparado a bala de prata capaz de mudar o destino do País?

247 - A revista Veja acaba de disparar seu último tiro contra a presidente Dilma Rousseff, numa campanha de ataques que vem sendo movida há vários meses. A reportagem de capa desta semana anuncia o que seria "o núcleo atômico da delação".

De acordo com a chamada na capa, a campanha que elegeu Dilma Rousseff presidente em 2010 recorreu aos préstimos de Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras, para obter recursos de campanha.

Não se sabe se esta será a "bala de prata" das eleições deste ano. Até agora, as denúncias contra a Petrobras não atingiram a popularidade da presidente Dilma Rousseff. Nesta segunda-feira, num almoço de empresários, o próprio ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse não ter dúvidas sobre a honestidade de Dilma [ Nota do Blog: Aécio também acha ].

Mas a capa de Veja tem, evidentemente, um claro propósito. A sete dias das eleições, é um esforço desesperado para tentar impedir o quarto mandato presidencial consecutivo do Partido dos Trabalhadores.

É impossível saber como reagirá o eleitor ao novo tiro de Veja. Ontem, no entanto, a revista foi condenada, no Tribunal Superior Eleitoral, por 7 votos a zero, a conceder direito de resposta ao PT. Numa denúncia sem provas, a revista acusava o partido de pagar um chantagista para impedir que o ex-presidente Lula e o ministro Gilberto Carvalho fossem arrastados para o escândalo.

E agora? O que será da nova denúncia de Veja? A bala de prata? Ou, então, um traque como a reportagem que redundou numa condenação por 7 a 0? 

.

.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe