sábado, 9 de agosto de 2014

Judeus brasileiros protestam contra ataques de Israel a Gaza



Um grupo de judeus brasileiros protestaram na manhã da última quarta-feira (6), em frente ao consulado de Israel em São Paulo, contra os ataques israelenses à Faixa de Gaza, que mataram mais de 1800 pessoas. O grupo, de dez pessoas, invoca a memória dos valores judaicos contrários ao assassinato e considera Israel deve apoiar a criação do Estado Palestino, como forma de por fim ao conflito.

“Seguimos os passos de nossos pares no restante do mundo, que também se guiam pela defesa da dignidade humana e pela ética judaica para criticar esse sionismo de inclinação fascista que os governos de Israel implantaram ao longo dos anos, que não reflete todas as concepções de sionismo existentes”, aponta Yuri Haasz, que vive desde os 14 anos no Brasil.

No último 3 de agosto, manifesto lançado por entidades judaicas brasileiras e da argentina, entre elas o Instituto Cultural Israelita Brasileiro (ICIB) e a Associação Sholem Aleichem, condenaram os ataques a Gaza.

“A escalada bélica está transformando Gaza, uma das regiões mais pobres e densamente povoadas do planeta, em gigantesca pilha de escombros e cadáveres. Não são poupados mercados, escolas, mesquitas, residências de todos os tipos”, denuncia o manifesto.

O libelo acrescenta que “há uma clara tentativa israelense de inviabilizar, manu militari, o governo de unidade nacional palestino, anunciado em junho passado”.

“Aos extremistas abrigados no atual governo de Israel não interessa o caminho que leve a um Estado palestino independente”, denunciam as entidades judaicas.

“A ocupação de territórios palestinos por colonos israelenses, condenada inúmeras vezes pela comunidade internacional”, prossegue o texto, “nunca parou desde 1967 e é a grande causa estrutural do conflito israelense-palestino. Há uma ampliação permanente dos assentamentos ilegais, com chancela estatal e recursos portentosos dos aliados de Israel”.

“Os colonos, fanatizados por miragens messiânicas, têm peso relevante na política do país e envenenam a alma nacional com posturas racistas e excludentes”, alertam os judeus brasileiros e argentinos.



.

.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe