terça-feira, 19 de agosto de 2014

A morte de Eduardo Campos, Por Jasson de Oliveira Andrade




No dia 13 de agosto, o Brasil foi surpreendido com a trágica morte de Eduardo Campos, candidato à Presidente da República pelo PSB, três dias após completar 49 anos. Por triste coincidência, ele morreu no mesmo dia de seu avô Miguel Arraes, que faleceu em 13/8/2005, aos 88 anos. Tanto avô como o neto foram governadores de Pernambuco e também deputados. Ambos tiveram sucesso na carreira política. No entanto, Eduardo Campos saiu dela tragicamente e prematuramente. No dia anterior (12/8), havia sido entrevistado no Jornal Nacional.

Na última pesquisa do Ibope, divulgada no início deste mês, Eduardo Campos obteve 9%. Antes, tinha 8%. Era o terceiro colocado na disputa presidencial e tinha esperança de subir na pesquisa, após o programa na TV e no rádio.

Em junho de 2013, escrevi um artigo sob o título “Netos querem ocupar cargos que os avôs não conseguiram”. No texto escrevi sobre os netos, citando Aécio Neves, neto de Tancredo Neves, que, embora eleito presidente, não conseguiu o seu intento, morrendo antes da posse (21/4/1985). Tancredo foi o último presidente eleito indiretamente, findando a Ditadura Militar. Depois relatei: “O mesmo ocorre com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, neto de Miguel Arraes. Ele foi deputado estadual, Ministro da Ciência e Tecnologia do governo Lula, em 2004, e se elegeu governador de Pernambuco em 2006 e se reelegeu em 2010, com 80% dos votos. Em 2011, foi considerado, segundo o IBOPE, o melhor governador do Brasil”. Terminei assim o meu artigo: “Será que os netos conseguirão o que os seus ilustres avôs não conseguiram? Como sempre digo: a conferir”. Com o neto de Miguel Arraes, lamentavelmente, não!

Com a trágica morte de Eduardo Campos, a sua substituta provavelmente será a ex-senadora e ex-ministra Marina Silva [ Nota do blog: Como, de fato, será ] , atual candidata a Vice dele, mas esta será outra história.

JASSON DE OLIVEIRA ANDRADE é jornalista em Mogi Guaçu 
Agosto de 2014

.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe