sábado, 7 de junho de 2014

Cropofagia bandeirante




A cena: umas pessoas na sa-la-de-jan-tar... :

Sra 01 pergunta pro Sr 01, que degusta um generoso um prato de merda:
- Está gostando? Está de acordo com seu paladar?
Sr 01 responde:
- Não, senhora, infelizmente esse garção analfabeto não trouxe o que pedi. Esse prato está uma merda!
Sra 01 explica:
- Veja, Sr 01, entendo vossa reclamação, mas tem que entender que este garção faz parte daquela geração recente que estudou nas excelentes escolas estaduais de nosso glorioso Estado e, por isso, passou de ano sem sequer saber ler. A tal da progressão continuada ... Assim, ele meio que tornou-se incapaz de entender um simples pedido.
Sr 01 retruca:
- Ah, sim, assim sim! Perdôo-o!

Sra 01, toda carente, puxa papo com o Sr 01:
- Sabe o senhor que o sr Governador do Estado proveu este evento com toda esta gloriosa merda? Nosso rico Estado não tem problemas de abastecimento!
Sr 01, um sujeito simpático:
- Sim, eu sei. Por isso que gosto tanto dele e de seu partido. Sou um entusiasta destes senhores. Por mim não sairiam nunca.
Sra 01:
- E, ainda bem, eles estão lá desde que me interesso pelas coisas públicas.
Sr 01:
- Sim, ainda bem!

Um sujeito bêbedo e vendo elefantes cor-de-rosa irrompe no salão, gritando como um bêbedo:
- Essa merda é superfaturada! Esses pratos são superfaturados! Essa festa só ocorreu porque o fornecedor de merda pagou propina pra poder fornecer a merda pra festa!
O sr 01 fustiga o bêbedo:
- Sai, vagabundo, saaaai!!!
E o bêbedo deixa a cena.
O sr 01 suspira e confessa à sra 01:
- Eu sempre desconfiei... A merda, os pratos, os garçons e a mesa, é tudo superfaturado e propinado...
A sra 01 conforta o sr 01:
- Mas sr 01, é tudo igual! Só que esse povo que nos fornece a merda é um pouco melhor. Eles são mais limpos, mais dinâmicos, sua fisionomia é um pouco mais convincente. Seus diplomas são reluzentes e sua estampa muito mais fina, entende? Lombroso lhes daria um atestado de bons antecedentes. Eu não ligo pro que dizem, que falam, deixa isso pra lá.
O sr 01 assente com a cabeça.
- Sei. Captei.
A sra 01 prossegue:
- Veja o senhor que a merda sequer dá pra todo mundo! Antes não! Os banquetes davam e sobravam. De repente, um mundaréu de gente passou a ser convidada! Um monte de gente passou a se servir de nossa merda! O antigo governador até alertou: "Se falta merda, é porque tem gente demais tentando se servir!"

Conforme o banquete segue, o sr 01 termina seu prato - superfaturado e propinado - de merda e fica com vontade de repetir. E chama o garção:
- Rapaz, aqui!
- Siimm?, responde o garção.
- Me traga mais um destes.
- Sim, senhor.
- Ahn... Rapaz?
- Sim, pois não?
- Pode me trazer também um jarro de água?
- Lamento, senhor, mas a água está em falta!


.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe