quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Milionários pagariam a "dublês" para serem presos em seu lugar



Cibernautas chineses denunciam prática

Milionários pagam a duplos para serem presos por eles
Chineses ricos condenados a pena de prisão contratam duplos para irem para a cadeia no lugar deles.

Bo Xilai é um membro proeminente do partido comunista chinês acusado de desviar fundos públicos, no valor de 5 milhões de yuans (620 mil euros), de aceitar subornos, no valor de 21 milhões de yuan (mais de 2,5 milhões de euros), e de ser cúmplice no homicídio de um empresário inglês pela sua mulher. Espera-se que, durante a próxima semana, seja condenado a uma severa pena de prisão.
No entanto, este chinês poderá não cumprir qualquer tempo de cadeia pois suspeita-se que o homem, que tem falado com as autoridades, seja um duplo contratado e não o próprio Bo Xilai.

Denominada ‘ding zui’, que se traduz em algo como ‘reclusos substitutos’, é uma prática que ganhou notoriedade em 2009, quando um milionário ao volante de um Mitsubishi desportivo atropelou mortalmente um peão. A opinião pública chinesa ficou indignada com a pena de três anos de prisão, mas ainda mais com o facto de o homem que esteve perante o juiz fosse muito mais gordo e diferente que o milionário chinês.

A denúncia desta prática voltou à ribalta quando, em 2012, a mulher de Bo Xilai, Gu Kailai, foi considerada culpada pela morte do empresário inglês Neil Heywood, crime pelo qual o marido será também julgado na próxima semana por cumplicidade. Contudo, as imagens da sessão em tribunal mostravam uma mulher bastante diferente da real Kailai, condenada a 14 anos de prisão e que ainda arrisca ser executada, caso venha a cometer algum crime nos dois anos seguintes ( como por exemplo contratar alguém para cumprir a pena de prisão por ela ).

Os cibernautas chineses inundaram as redes sociais do país a denunciar o crime, o que levou o governo a banir a procura do termo ‘ding zui’ nos já restritos motores de busca e sites chineses, em agosto de 2012.
Agora, são novamente os cibernautas chineses que denunciam o membro do partido comunista chinês de ter contratado alguém para ser levado a tribunal e cumprir a sua pena, e exigem ver imagens de Bo Xilai preso, enquanto aguarda julgamento.

As suspeitas de novo ‘ding zui’ é mais um rol de ostentação de riqueza por parte dos milionários chineses que aumenta ainda mais as diferenças entre os mais ricos e os mais pobres, num país que tem gerado o maior número de milionários dos últimos anos.
Segundo a revista 'Forbes', na China há 122 pessoas com fortunas acima dos mil milhões de dólares. Num país onde 13% vivem diariamente com o equivalente a menos de 0,95€ por dia, no extremo oposto há 1% da população que controla metade da riqueza nacional. ( CM )


.

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe