sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Comunicação total entre pessoas queridas na Modernidade: mãe descobre que filha morreu através do Facebook

Uma mulher descobriu que a filha tinha morrido através do Facebook. A mãe, moradora no sul do País de Gales, percebeu que alguma coisa não estava bem quando viu mensagens de pesar na página da filha. Cheryl Jones, de 49 anos, suspeitou que a filha, Karla de 30 anos, tivesse morrido quando viu que os amigos da jovem deixavam mensagens de pesar na página de Facebook. "RIP Karla" foi algumas das coisas que a mulher pôde ler.
A mulher, natural de Tredegar, no sul do País de Gales, no Reino Unido, tinha falado com a filha há cerca de duas horas mas decidiu ligar para as autoridades para saber o que se passava.
Segundo o jornal "Dayli Mail", o agente da polícia que atendeu a chamada não lhe lhe confirmou o falecimento da filha. "Peço desculpa mas um agente irá a sua casa dentro de momentos", terá sido a resposta do polícia.
No entanto, ninguém terá aparecido e Cheryl esteve mais de três horas à espera que alguém confirmasse o que já suspeitava.
"A minha filha apareceu morta e eu só o soube através do Facebook. Eu era a mãe da Karla, a sua parente mais próxima, a polícia devia ter vindo avisar-me imediatamente", afirmou Cheryl.
A situação é ainda mais insólita quando se ficou a saber que Karla morreu numa rua apenas a dois quilómetros da casa da mãe.
As autoridades estão a investigar o que poderá ter acontecido mas, ao que tudo indica, Karla morreu devido a problemas de coração crónicos. ( JN )

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe