sexta-feira, 13 de julho de 2012

Grupo religioso acusado de colocar gato vivo em cimento

Um gato foi encontrado vivo preso em cimento nos EUA. O homem que salvou o animal acredita que o acidente foi provocado por um grupo religioso que vive na região. As imagens podem chocar os mais sensíveis.
Um gato foi encontrado vivo semi-enterrado em cimento na cidade de Colorado, no estado norte-americano do Arizona. O animal encontrava-se preso dentro de um tubo usado para construir postes de cimento no quintal de Isaac Wyler. O homem salvou o animal mas acusa um grupo religioso, que tem como sede a cidade, de provocar o incidente.
A operação de resgate do animal levou algumas horas. O gato foi entregue a um centro que acolhe animais, no estado vizinho do Utah, mas acabou por morrer dias depois.
Chatwin denunciou o caso à polícia local mas acusa-os de não terem feito nada e ainda brincarem com a situação. O homem afirma ainda que as autoridades na região discriminam quem não faz parte da seita religiosa e que muitos serviços básicos lhe são vetados.
A igreja Mórmon e a polícia não prestaram declarações. Recentemente o Departamento de Justiça americano moveu uma ação contra as autoridades da cidade de Colorado por, alegadamente, violarem direitos civis. ( JN )




Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe