sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

"Jogador fazia bruxaria contra o próprio colega de equipe", diz técnico de Gana, explicando fracasso da seleção na Copa Africana de Seleções

Bruxaria provocou divisões no Gana
Selecionador Goran Stevanovic diz que alguns jogadores utilizaram bruxaria contra os colegas de equipa e realça a necessidade de mudar a mentalidade.
A seleção do Gana era considerada uma das favoritas à vitória na Taça das Nações Africanas (CAN), mas acabou por perder nas meias-finais com a Zâmbia (que acabou por vencer a competição no passado dia 12). Agora, um documento de Goran Stevanovic foi tornado público. Nele, o selecionador sérvio do Gana alerta que alguns jogadores utilizaram bruxaria contra colegas de equipa.
"Todos precisamos de contribuir para mudar a mentalidade dos jogadores em utilizar magia negra para destruírem-se uns aos outros e temos de nos certificar que implantamos disciplina e respeito uns pelos outros", lê-se no documento de Stevanovic, citado pela BBC. No entanto, o técnico não adiantou nomes.
A federação ganesa não reagiu a este documento, mas está de acordo com Stevanovic quanto às divisões dentro da equipa. No início da semana, o presidente Nyantakyi salientou que queriam atingir a fama e triunfar pessoalmente, não pensando no bem da equipa. Houve também queixas do jogadores mais velhos de falta de respeito por parte dos futebolistas mais jovens.
Sarfo Gyami representou o Gana na CAN de 1992 e explicou à BBC que os jogadores sempre utilizaram "bruxaria" mas para se protegerem e para terem sorte. "Nunca tive conhecimento de uma situação em que utilizassem contra os colegas. É uma situação muito má", realça. (
DN )

Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe