Monitor5_728x90

domingo, 9 de janeiro de 2011

"Velho Demais" - Placa Luminosa, 1977 ( vídeo e letra )


VELHO DEMAIS
Toda vez que eu olho o espelho
Vejo um rosto magro e feio
É que estou ficando velho demais
Velho Demais

Já não vejo quem eu via
Já não corro atrás do dia
É que estou ficando velho demais
Velho Demais

a memória é fraca
A gravata aberta
Sapato aperta no meu pé
É que estou ficando velho demais
Velho Demais

Já não ouço cantar os passarinhos
cadê meu ninho?
É que estou ficando velho demais
estou ficando velho Demais
estou ficando velho Demais
estou ficando velho Demais

A memória é fraca
A gravata aberta
Sapato aperta no meu pé
É que estou ficando velho demais
Velho Demais

Já não ouço cantar os passarinhos
cade meu ninho?
É que estou ficando velho demais
estou ficando velho Demais
estou ficando velho Demais
estou ficando velho Demais

Essa eu não conhecia até hoje pela manhã, até que escutei numa emissora de rádio AM. Ficamos naquela de "Quem canta essa bagaça?", principalmente por causa do vocal que parecia familiar ( era o Jessé, mas que surpresa! A ignorância é limitadora, sabe? ). O arranjo ligeiramente progressivo, característico de muitas bandas brasileiras do anos 70 ( óbvio ) mas bastante pop e acessível lembraria alguma coisa como a banda do Guilherme Arantes, o Moto-Perpétuo, o gravações dele mesmo. Na verdade, não conheço muitas assim desse estilo, o que torna cada descoberta - desde que seja do meu agrado, claro - uma conquista e uma fonte de satisfação. Pensei que pudesse ser Sá, Rodrix & Guarabyra ou mesmo Roupa Nova, sei lá. Um rápida busca no Google Encyclopaedia resolveu o mistério: a música é do grupo Placa Luminosa, que eu só conhecia pelas "obras" dos anos 80. A canção fez parte de trilha sonora de novela da Globo.
Mas gostei, e espero que gostem também.




Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Golpe